Anterior
Próximo

Relacionamentos interpessoais – Ana Cláudia

A visão que você tem de si mesmo e das outras pessoas vai afetar e definir a forma como você se relaciona com elas.

Se você for o tipo de pessoa que se ira ou se irrita facilmente, se for impaciente, se gostar mais de falar do que de ouvir, se interpretar tudo de forma negativa, se for uma pessoa muito permissiva, etc, certamente terá muita dificuldade em se relacionar com as pessoas.
Relacionamento interpessoal é algo que se aprimora com o passar do tempo. Quanto mais a gente vive e observa a vida e as pessoas, incluindo a nós mesmos, mais a gente aprende a se relacionar.
A gente precisa ter maturidade pra entender e aceitar que nem todo mundo vai gostar da gente, de estar perto da gente e de conversar com  gente. E mesmo que goste, pode ser que goste um pouco mais de outras pessoas, e isso não é um problema, nem é ruim. É entendendo isso e aceitando que a gente amadurece s relações.
Às vezes nosso relacionamento com alguém vai girar em torno de uma necessidade nossa ou daquela pessoa, e quando essa necessidade for sanada não haverá mais necessidade de relacionamento. Mas, não tem problema! São relacionamentos circunstanciais.
Não espere demais das pessoas, não ancore sua alma nas vidas de outras pessoas. Não espere que tudo dure para sempre, mas também não trate as pessoas como descartáveis. Seja equilibrado! Dê o seu melhor sem esperar retorno.
Talvez esse seja um bom começo! Uma boa forma de encarar os relacionamentos. A gente precisa de inteligência emocional e só o tempo nos traz essas coisas. Dê tempo ao tempo quando se relacionar com as pessoas.
Você vai poder mostrar quem você é de verdade e ver quem são as pessoas de verdade.
Relacionamentos fazem parte da vida, mas a forma como você os encara e os conduz faz toda diferença!